Sexta-feira, 21 de agosto de 2020
21/08/2020
Sábado-feira, 22 de agosto de 2020
22/08/2020
Exibir tudo

Em 2002 no Brasil, ocorreu a primeira ação do Outubro Rosa, na qual o Obelisco do Ibirapuera foi inteiramente iluminado de rosa. A campanha deu tão certo que organizações médicas, ONGs e grupos da sociedade civil organizada passaram a estabelecer cores para os meses do ano com o objetivo de difundir, quebrar preconceitos e ampliar a prevenção de doenças.

Essas ações tem um papel muito significativo no crescimento dessas campanhas. Confira abaixo os meses, em que ações pelo mundo inteiro, disseminam informações sobre tratamentos e atitudes preventivas em relação a algumas doenças:

Cada mês possui uma cor para conscientizar o mundo sobre a importância de cuidarmos da saúde

Outubro rosa, novembro azul, janeiro branco… Você certamente já ouviu falar em alguma dessas campanhas voltadas à prevenção de doenças, não é mesmo? Mas, sabia que todos os meses do ano possuem cores específicas? Sim, o nosso calendário é marcado por tonalidades que buscam chamar a atenção e conscientizar as pessoas sobre a importância de cuidarmos da saúde e priorizar a nossa qualidade de vida.

Apesar de ainda não existir um calendário oficial sobre as cores dos meses, as campanhas são cada vez mais conhecidas, divulgadas e abraçadas pelas pessoas ao redor do mundo. Por isso, é tão importante o conhecimento dessas causas, ter a maior quantidade de informações e engajamentos às ações. Veja, abaixo, a cor indicada para cada mês e saiba qual é a campanha destinada a esse período:

As cores dos meses na prevenção de doenças

Janeiro Branco

O primeiro mês do ano é dedicado a alertar sobre a saúde mental. A campanha surgiu em Uberlândia, Minas Gerais, em 2014, e acontece mais fortemente no Brasil. A ideia é conscientizar a população sobre a importância dos cuidados com a mente para o bem-estar e a qualidade de vida. A escolha do mês tem a ver com o sentimento de esperança e recomeço que o início do ano trás.

Fevereiro Roxo / Laranja

Já o mês de fevereiro, apesar de curtinho engloba duas ações preventivas. O roxo simboliza a conscientização sobre lúpus, Alzheimer e fibromialgia — doenças que afetam milhões de pessoas anualmente. A cor laranja foi escolhida para simbolizar o combate à leucemia, chamando a atenção para a prevenção e principalmente para a doação de medula óssea.

Março Azul Escuro

O mês de março levanta o debate acerca do câncer colorretal, o terceiro tipo mais comum entre homens e mulheres. A escolha se deu em função do Dia Nacional de Combate ao Câncer do Intestino, que é 27 de março.

Abril Azul

Como o Dia Mundial da Conscientização do Autismo é 2 de abril, esse foi o mês escolhido para alertar pessoas no mundo todo a respeito desse diagnóstico. A cor foi definida porque o trastorno, que afeta 1% da população mundial, é mais frequente entre meninos. O laço colorido também é símbolo dessa luta.

Maio Amarelo

Em 11 de maio de 2011, a ONU instituiu como meta a redução em 50% dos acidentes de trânsito. Dessa forma, o quinto mês ano é dedicado à educação no trânsito com o objetivo de prevenir acidentes. O movimento Maio Amarelo envolve campanhas anuais, com a participação do poder público e da sociedade civil.

Junho Vermelho

Mais uma vez a escolha do mês tem relação com uma data do calendário mundial: o Dia Mundial do Doador de Sangue, 14 de junho. Assim, por iniciativa do movimento Eu Dou Sangue, desde de 2011, esse mês destaca a consciência sobre a importância da doação de sangue, cuja cor é vermelha, justificando a cor da campanha.

Julho Amarelo

O amarelo também foi a cor escolhida para o mês de julho, dessa vez para levantar a bandeira da conscientização sobre as hepatites virais. Trata-se de uma iniciativa do Ministério da Saúde e do Comitê Estadual de Hepatites Virais. A cor é relativa à icterícia, sintoma comum entre pacientes com doença no fígado, que deixa os olhos e a pele amarelados.

Agosto Dourado

A primeira semana do mês de agosto (do dia 1º ao dia 7) é chamada Semana Mundial do Aleitamento Materno, fazendo desse mês, no Brasil, o Agosto Dourado, em prol da amamentação. Trata-se de uma ação do Governo Brasileiro, iniciada em 2017. A ideia é informar às mães sobre os benefícios do leite materno, considerado pela OMS o alimento de ouro para o bebê, por isso a escolha da cor.

Setembro Verde / Amarelo

Criada em 2014, com o slogan “Doe órgãos, a vida continua”, a campanha Setembro Verde lembra o Dia Nacional da Doação e Órgãos e Tecidos, que é celebrado no dia 27, e tem o objetivo de conscientizar a população sobre a necessidade de doar.

Outra campanha realizada durante o mês de setembro que vem ganhando destaque na mídia, tem como foco a prevenção do suicídio. No Brasil, a ação teve início em 2015 como inciativa de três instituições: o CFM (Conselho Federal de Medicina), a ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria) e o CVV (Centro de Valorização da Vida). Entretanto, a campanha acontece também fora do país, em virtude do Dia Mundial da Prevenção do Suicídio, dia 10 desse mês.

Outubro Rosa

A mais popular, precursora e inspiradora de todas as outras campanhas destina o mês de outubro ao combate ao câncer de mama em todo o mundo. Criada na década de 90, a campanha ganhou força com a primeira Corrida pela Cura, ocorrida em Nova York, quando o laço rosa tornou-se símbolo dessa luta. No Brasil, em 2002, até o Cristo Redentor foi iluminado com essa cor em prol da campanha.

Novembro Azul

A exemplo do Outubro Rosa, surgiu na Austrália o Novembro Azul traz o combate ao câncer de próstata. Em todo o mundo, homens deixam crescer o bigode como forma de chamar atenção para a causa, que, no Brasil, é apoiada pelo Instituto Lado a Lado, desde 2008. O mês e a cor também são dedicados ao tratamento e prevenção da diabetes.

Dezembro Vermelho

Em 1º de dezembro, é celebrada a luta contra a Aids no mundo todo. A campanha mundial só se oficializou no país em 2017, tendo o laço vermelho, criado em 2011, como ícone da solidariedade e comprometimento com a causa. Nesse mês, concentram-se ações preventivas e de conscientização a respeito da doença e do preconceito em torno dela.

Sem dúvida as campanhas com cores são uma ótima opção para conscientizar a população, incentivando a prevenção, discussão e conscientização sobre doenças e questões de saúde relevantes. As cores dos meses têm grande apelo junto à imprensa e costumam ganhar destaque também nas redes sociais.

Nesse sentido, vale reforçar que o apoio dos médicos a essas campanhas é fundamental. Cada um, dentro da sua área de atuação, pode colaborar com a divulgação e educação de seus pacientes, distribuindo materiais e folhetos, decorando seu consultório, usando o símbolo em seus canais de comunicação e aproveitando o mês em questão para discutir temas relacionados.

E você, já conhecia todas as cores dos meses e suas campanhas? Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais e ajude a divulgar essa ideia!

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter
informações de rastreamento sobre os visitantes.